segunda-feira, 27 de junho de 2016

CEE PARA ANALISAR E PROPOR SUGESTÕES EM RELAÇÃO AO PARCELAMENTO, USO E OCUPAÇÃO DO SOLO NO ENTORNO DO AEROPORTO LEITE LOPES

CEE vai discutir uso do solo no entorno do Aeroporto Leite Lopes com os moradores vizinhos
Comissão, presidida pelo vereador Beto Cangussu, quer envolver o poder público e a população da região na discussão da internacionalização do aeroporto
Ribeirão Preto, 22 de Junho de 2016 

Fotos: Allan S. Ribeiro
 
 
Após duas audiências públicas realizadas na Câmara Municipal, o vereador Beto Cangussu vai levar a Comissão Especial de Estudos sobre parcelamento, uso e ocupação do solo no entorno do Aeroporto Leite Lopes ao bairro. Duas audiências públicas estão marcadas na comunidade vizinha ao aeroporto. Na próxima segunda-feira, 27/6, o encontro terá o tema: “Aspectos ambientais” e foram convidados : Prof.Marcelo Pereira (USP) e representantes da CETESB, ANAC, GAEMA. A outra audiência será no dia 11 de julho, com o tema: “Aspectos sociais”, com as presenças do Padre Chico, Mauro Freitas, NAJURP, Prefeitura Municipal.
 
Beto Cangussu explica que o “objetivo da comissão é aproximar o poder público dos moradores da região e integrar essa população na discussão da internacionalização do Aeroporto Leite Lopes que vai afetar a vida no entorno. São cerca de 10.000 moradores, além dos assentamentos irregulares. Pela legislação atual, a região é zona mista, isto é, para fins residenciais e industriais. Mas, isso poderá mudar. A indefinição prejudica os proprietários da área na hora de tirar o habite-se ou fixar valores para compra e venda de imóveis. Além disso, há a possibilidade de transferir parte dos moradores para outro bairro.
 
“O grande prejuízo é a falta de melhorias nessa região, como iluminação, calçamento, entre outros, que há anos não são realizadas. Essa população é carente de serviços públicos. Essas pessoas precisam saber o que a Prefeitura pretende com essa área”.
 
A CEE sobre o uso do solo no entorno do Aeroporto Leite Lopes enviou vários pedidos de informação aos Poderes Executivo e Judiciário.
 
“Nosso objetivo é esclarecer essa população e levantar as necessidades dos moradores. Ao final, a CEE fará um relatório e irá solicitar à Prefeitura um conjunto de leis para essa região da cidade.”
 
Também fazem parte da comissão os vereadores Cícero Gomes da Silva, Gláucia Berenice, André Luiz da Silva e Rodrigo Simões.
 
SERVIÇO:
 
Dia 27/6 – 19h - Audiência Pública no salão paroquial da Igreja Maria Mãe do Povo.
 
Avenida Recife, 515
 
Jardim Aeroporto
 
 
 
Dia 11/7 – 19h – Audiência Pública na Comunidade São Lázaro.
 
Rua Lençóis Paulista, 583.
 
Jardim Jóquei Clube

Um comentário:

  1. Achei a audiência um sucesso. Mais de 200 moradores compareceram

    ResponderExcluir